domingo, 10 de abril de 2011

Crisálida



Enquanto tudo se transforma
Tudo se transforma
Adquirimos verdades, mentiras e outras imposições
E o que realmente nos conforta
É a solidez de sermos nós mesmos
Ainda não compreendo
Porque?
Porque ainda, não nos convencemos disso?
Simplesmente o instinto imposto
Supera o instinto próprio...
Não me permito há muito... ser assim
E ainda é bom saber que vale a pena!


Nenhum comentário: